MMSocial
A+ A A-

P.L.I.N.T

P.L.I.N.T

Os P.L.I.N.T- Pablo Lapidusas International Trio, nasceram em Abril de 2014 no Hot Club Portugal, berço do Jazz em Portugal em simultâneo com o lançamento do CD “Estrangeiro” do pianista argentino Pablo Lapidusas.

Atuar no palco do Club de Jazz mais antigo e carismático da Europa, revelou ao mundo este Trio que levou à emblemática sala do Hot Club, jornalistas, músicos, público anónimo e alguns dos mais reconhecidos rostos do Jazz português.

Uma casa cheia de um público exigente rendeu-se rapidamente à genialidade e talento deste Trio composto por Pablo Lapidusas no piano, acompanhado por Leo Espinoza no baixo eléctrico, e Marcelo Araújo na bateria, fazendo eco no panorama musical português. 

Iniciam agora uma tour internacional, própria de um grupo que sabe que o talento tem que estar a par com muito trabalho em grandes e pequenos palcos. 

Os P.L.I.N.T- Pablo Lapidusas International Trio vieram para ficar e brilhar!


 


 

Ligações:
 
Up Music TalentsPaula Cordeiro

P.L.I.N.T - Pablo Lapidusas International Trio live in HCP (EPK)

P.L.I.N.T - Pablo Lapidusas International Trio (EPK)

Israel Grando

Israel Grando, é um jovem músico, cantor e compositor brasileiro nascido em Santa Maria, Rio Grande do Sul, Brasil, em 4 de Junho de 1991. Desde muito cedo desenvolveu o gosto musical iniciando com guitarra clássica e posteriormente passa para o piano. Mesmo estando a aprender guitarra manifestava o interesse pela bateria, instrumento que mais tarde chegou a aprender.

Israel Grando conviveu sempre com diferentes gêneros e estilos musicais e, inevitavelmente, as suas influências são a soma e a identificação com vários estilos entre os quais podemos mencionar: Mpb, Bossa nova, Jazz, Pop, Ballada e Soul Music, tudo isso devido ao ambiente musical que vivia na sua própria casa, sempre muito frequentada por músicos amigos dos seus pais.

Aos onze anos de idade mudou-se com os pais para Portugal, onde prosseguiu os seus estudos em guitarra acústica e piano, no conservatório. Aos dezassete anos já trabalhava como músico (piano e voz), tocando em bares interpretando grandes clássicos, destacando-se pelo seu timbre singular. Aos dezanove anos muda-se com os seus pais para a cidade de Braga para ingressar no curso de Arqueologia na Universidade do Minho, cidade onde decide paralelamente cumprir o sonho de gravar o seu primeiro CD.

Este seu primeiro álbum, “Tatuagem”, apresentado recentemente, conta maioritariamente com temas originais da sua autoria e do seu pai Marcelo Grando, sendo também uma parceria com o produtor Giovani Goulart, músico, arranjador e produtor musical de prestígio internacional, com passagem por vários países, tendo este, tocado e produzido trabalhos musicais com os maiores nomes da música mundial.

“Somente um Olhar”, “Meu Amor” e “Navegar, Partir”, são os temas escolhidos para a promoção deste álbum em Portugal e no Brasil, país natal deste jovem músico onde a imprensa e o público o começam a distinguir.

 

Ligações

URL: www.israelgrando.com

 Israel Grando

Lilian Raquel e Claúdio César Ribeiro

Lilian e ClaúdioLilian Raquel e Claúdio César Ribeiro

Bastante elogiados pela crítica portuguesa e por artistas de renome internacional como Ivan Lins, Rosa Passos ou Alceu Valença, entre outros, estes dois brasileiros de nacionalidade portuguesa, eram mentores do Grupo “Amarelo Manga” , que editou o seu primeiro disco em 2009. Agora, resolveram fazer um trabalho em nome próprio, através da editora Numérica e que conta com a participação do cantor e compositor brasileiro Ivan Lins.

Radicados em Portugal há 14 anos, Lilian, no Brasil gravava jingles musicais de publicidade e fazia coros em vários discos de artistas como Alceu Valença, André Rio, Dominguinhos, Novinho da Paraíba, Naná Vasconcelos entre outros. Percorrendo, inclusive, em digressão pelo Brasil com o próprio Naná Vasconcelos. Em Portugal, trabalhou vários anos como cantora residente no Casino da Póvoa, fez coros com o grupo português “ GNR”, deu a sua voz à segunda edição do disco de música Pop em bossa nova , “Bossa Nossa “ editado pela Sony Music.

Lilian e Claúdio em palcoCláudio,conhecido como “ Cláudio Munheca” no Brasil tinha a banda “ Capitão Severo”, tocou com vários artistas, entre eles, André Rio, Elba Ramalho, Lula Queiroga, Lula Cortes, Maestro Spok, entre outros.

Em Portugal participou de discos de artistas como Cármen Souza,  Luísa Sobral, Maria João (famosa cantora portuguesa de jazz), Classificados, Ivan Lins e participou de concertos com  artistas como Carlos do Carmo e Paulo de Carvalho.

Também trabalha com produções discográficas, entre elas “ Bossa Nossa”, Snail, Jorge Goes, André Sarbib, Amarelo Manga , entre outros.

Atualmente, tem o seu trabalho de instrumentais originais em nome próprio, faz concertos em nome do grupo Lilian Raquel e Cláudio César e acompanha o cantor brasileiro Ivan Lins em digressões pela Europa.

Ligações

Lilian e Claúdio - "Letras de Canções"

facebook.com/lilianraqueleclaudiocesarribeiro

TABANKA DJAZ

Tabanka DjazTABANKA DJAZ – “Depois do Silêncio" – Regressam da Guiné-Bissau!

Depois do sucesso que a apresentação do CD “Depois do Silêncio” teve em Portugal e Angola, os Tabanka Djaz regressam agora da Guiné-Bissau de “alma-cheia”! Esta ação de promoção internacional tem sido um estrondoso sucesso, por onde quer que os Tabanka Djaz passem!

Os TABANKA DJAZ oriundos da Guiné Bissau, formaram-se em 1988 e em menos de um ano a sua visibilidade nacional e internacional foi tal, que após uma tour nos EUA resolvem gravar o seu primeiro álbum a que deram o nome do Grupo “Tabanka”, editado em Janeiro de 1990. Estava assim traçado o percurso de um Grupo de sucesso, agora com vinte cinco anos de vida.

Entre tours por Angola, Moçambique, Senegal, França, Luxemburgo, Holanda, EUA, Cabo-Verde, etc., os TABANKA DJAZ ofereciam aos seus fãs novos sucessos editando Indimigo em 1993, e Sperança que em 1996 os consagra em definitivo ao atingir quarenta mil exemplares vendidos, recebendo da Associação Fonográfica Portuguesa os discos de Prata, Ouro e Platina. Em 1997, ainda com este trabalho, o Grupo é nomeado para o Ngwomo África o equivalente aos Grammys no Continente Africano.

Em 1999, a convite de Martinho da Vila, participam no projeto «Lusofonia» e consolidam o seu estatuto, em especial a nível de embaixadores do Gumbé, um ritmo musical oriundo da região de Bissau.

Em 2002 editam “Sintimento” no qual participam grandes músicos como Martinho da Vila, o guitarrista guineense Tony Dudu entre outros, num álbum recheado de novas sonoridades.

Tabanka-DjazA perda de um importante e querido elemento do Grupo, o teclista Caló Barbosa em 2006, a crise financeira que arrasou a indústria musical nacional e o regresso a Angola do baterista Dinho Silva em 2008, ditaram onze anos de silêncio, que agora terminam graças à determinação do grupo em responder prontamente aos inúmeros pedidos dos seus fãs por todo o mundo.

Atualmente a formação base é composta por 4 elementos. São eles o cantor e guitarrista Mikas Cabral, o baixista Juvenal Cabral e os teclistas Jânio Barbosa e Mimito Lopes.  Ao vivo juntam-se o baterista Cau Paris, o percussionista Kabum e os sopros, Lars Arens no trombone, João Capinha no sax e Cláudio Silva no trompete.

“Depois do Silêncio apresenta-se assim como a celebração de 25 anos de carreira em 2014 dos TABANKA DJAZ, inspirado como sempre pela sua alma africana, pela sociedade actual, pelo nosso país, e claro pelo amor, espelhado no single...”Foi Assim”.

Tabanka-Djaz Tabanka-Djaz

Ligações
Paula Cordeiro
 

Up Music Talents

 

Tabanka Djaz - Foi Assim

www.facebook.com/tabankadjazoficial

 

 

 

 

 

 

Apoios Bobina Studio

Facebook Música e Músicos
Canal Youtube - Música e Músicos